Uma casa sem janelas, mas muito bem iluminada.

Local: Obama, Fukui, Japão
Uso principal: Residencial
Área do terreno: 389.25m2
Área construída: 171.60m2
Área total construída: 301.29m2
( 1 pvto:158.60m2   2 pvto:142.69m2 )
Conclusão : Setembro 2009
Construção: 2007-2008
Estrutura: 2 pavimentos em aço
Projeto:  Makoto Tanijiri [suppose design office]+ Masafumu Tanaka
Envolvidos no projeto: Makoto Tanijiri [suppose design office]+ Masafumi Tanaka[Masafumi Tanaka], Masafumi Shimatani

Suppose Design recentemente terminou uma residência em Obama, no estado de Fukui, no Japão. O terreno, perto do mar, tem problemas relacionados a maresia. O cliente, diretor de uma empresa em frente a casa, quis combinar um espaço aberto no térreo, permintindo que seus clientes pudessem estacionar, com uma maior proteção dos espaços de estar no primeiro andar.

Cozinha, banheiros, depósitos, estão estrategicamente colocados no perímetro da casa para formar uma barreira em volta das áreas de convivência e quartos, protegendo contra o clima severo. Luz e circulação de ar entram pelos jardins internos com paredes de vidro entre os quartos. Assim se opõe a noção de deixar o o mundo lá fora, e oferece um ambiente íntimo e controlado, mas um que pode ser bem amplo e aberto ao mesmo tempo.

A casa é bem espaçosa, considerando os padrões japoneses, com 171 m2. O tamanho permite generosas clarabóias e jardins internos, que asseguram a luz natural através de toda a casa.  O caráter aberto do primeiro andar foi criado usando uma estrutura metálica de apoio, com a ajuda de elementos de concreto armado no térreo.

O escritório Suppose Design visa criar uma arquitetura com uma forte interação entre o ambiente interior e o exterior para diminuir as fronteiras entre esses ambientes, criando um espaço contínuo e conectado. O uso de materiais idênticos em áreas internas e externas, ao longo do comprimento da casa, afirma esse conceito. Assim combina cuidadosamente a necessidade de proteçãop e a privacidade com a noção de jardins internos japoneses com um resultado refinado de espaço de estar contemporâneo.

Criado por Makoto Tanijiri em 2000, o escritório cresceu até uma equipe de 16 associados, com escritórios em Hiroshima e Tokyo.  O alcance de seus trabalhos vão desde arquitetura, urbanismo, até interiores e design de produtos e móveis. Tanijiri se foca no no trabalho com uma mente aberta, onde há equivalência em todas as edificações, em qualquer escala e custo, seja uma casinha de cachorro até um arranha-céu. Ele define seu trabalho como uma chance de realizar novas ideias sobre projetos e relações em todos os elementos interativos existentes.

Fonte: Yatzer

 

↓↓↓  Não esqueça de classificar este post!!!

About these ads

6 responses to “Uma casa sem janelas, mas muito bem iluminada.

  1. Oi Hiroshi!

    nossa muito estranha essa casa… confesso que não moraria ai, mas visitaria com certeza! design e arquitetura contemporânea incrível!!

    Estou passando por aqui para te desejar um feliz natal e um ano novo magnífico! que todos os seus desejos se tornem realidade. Continue com esse blog MARAVILHOSO, para que eu continue me inspirando!

    beijão

  2. Pingback: 37º concurso de design residencial KITASUMA « Arquitete suas ideias·

  3. Pingback: As diferenças entre as casas pequenas no Brasil e no Japão | Arquitete suas Ideias·

  4. Pingback: Conheça a casa sustentada por galhos | Arquitete suas Ideias·

  5. Pingback: Por que o Japão tem as casas tão diferentes do resto do mundo? | Arquitete suas Ideias·

  6. Pingback: CASA SEM JANELAS | Márcia Tank | Blog·

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s